Para obrigar prefeitura inglesa a tapar asfalto, homem desenha pênis ao redor de buracos

Foto: Wanksy/Reprodução
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
Foto: Wanksy/Reprodução

Para obrigar a prefeitura de Ramsbottom (na região metropolitana de Manchester) a consertar os buracos no asfalto nas ruas da cidade, um artista autodenominado Wanksy (trocadilho em inglês com masturbação e o nome do artista Banksy) está desenhando pênis ao redor dos buracos. Assim, o serviço de obras da prefeitura vem consertar o problema mais rápido.

Leia também:
Youtuber vira piada na Internet após confundir Romero Britto com Picasso

Segundo o homem, o problema dos buracos na região piorou muito nos últimos tempos. Mas a sua tática de desenhar pênis surtiu resultado, disse ele ao jornal inglês Independent: “Normalmente, um buraco demorava de seis a oito meses a ser consertado. Agora, eles consertam em menos de 48 horas”. O artista teve a ideia após ver muitos acidentes de bicicleta e danos aos automóveis serem causados pelos buracos.

Porém, o conselho municipal de Ramsbottom tem uma opinião muito diferente: “Os desenhos são ofensivos. Quantas famílias com crianças pequenas são confrontadas com essas pinturas obscenas?”, questiona a Prefeitura. Além disso, “cada centavo gasto para apagar os desenhos é um centavo a menos para efetivamente tapar os buracos”, se defendeu o porta-voz da autoridade municipal.

O artista desenhou pênis em todos os buracos de Ramsbottom e agora vai começar a trabalhar em outras cidades da região metropolitana de Manchester. Apesar das justificativas da prefeitura, a ideia dele recebeu apoio nas redes sociais: “É uma boa maneira da Prefeitura entender que não estamos contentes com as condições das ruas”, disse um comentarista no Facebook. “Bom trabalho, você é meu herói”, resumiu outro. O que você achou da ideia?

Siga o Vi na Internet no Twitter: @vi_na_internet

Charles

Jornalista desde 2001. Já cobriu Economia, Meio Ambiente e Tecnologia, com passagem pela Agência USP de Notícias, jornal DCI, MSN, UOL e Yahoo. Já foi correspondente internacional do site Opera Mundi. Mestre em Jornalismo pela USP, dá aula sobre Informação e Novas Mídias na ECA/USP e é fascinado pelas novidades que aparecem na internet.

Comentários

Pin It on Pinterest

Share This